Solução “fora da caixa”: como startup de bikes resolveu problema com embalagens danificadas “vendendo” TV´s

15

Fabricar bicicletas se tornou um negócio lucrativo devido à popularidade global do ciclismo, com alguns modelos custando milhares de reais. Porém, os fabricantes que vendem online enfrentam o risco de grandes perdas devido aos frequentes danos durante o transporte de suas bicicletas. A empresa holandesa Vanmoof relatou que o problema afetava 25% de seus pedidos.

“Estávamos sofrendo enormes danos na entrega, especialmente nos EUA, e enfrentando grandes despesas com devoluções, substituições e reembolsos – foi um verdadeiro prejuízo”, disse Taco Carlier, cofundador da Vanmoof.

Esses incidentes não apenas frustravam seus clientes como custavam muito caro para a startup, pois certas bicicletas eram equipadas com eletrônicos delicados, como rastreadores antirroubo e motores elétricos.

A VanMoof testou inúmeras soluções, desde caixas mais resistentes e rótulos de “frágil”, até diferentes parceiros de logística, mas, nada disso funcionou. Com o seu negócio em risco, os fundadores criaram uma nova forma de proteger as suas bicicletas urbanas: elas eram enviadas aos clientes já montadas em grandes caixas contendo a imagem de uma TV de tela plana do lado de fora.

“Nós nos perguntamos: o que os americanos realmente amam? O que levaria os entregadores a serem delicados com um pacote?” disse Carlier. “Foi então que pensamos em uma TV de tela plana, porque nossa caixa tem o mesmo tamanho e formato de uma TV realmente grande.”

O resultado dessa inovação foi a redução dos danos em 80%. Carlier destaca que cada pacote contém um aviso declarando o conteúdo real e afirma que os clientes e entregadores reagiram positivamente à nova embalagem.

A startup planejava manter o truque em segredo, só que a tática foi revelada quando um colunista do The Wall Street Journal publicou uma imagem da caixa nas suas redes sociais. Clique aqui para ver.

Infelizmente, a empresa teve outros problemas ao longo dos anos e, em julho de 2023, acabou falindo. Fundada em 2009, a startup chegou a ser considerada como a Tesla das bicicletas.

Fonte: The Bizness

Artigo anteriorO preço dos imóveis estão subindo: entenda onde e por que das maiores altas
Próximo artigoCoach, diretivo ou afetivo: Saiba como identificar o perfil do seu chefe
Redação
O Paraíba Business é um portal de notícias profissional focado em economia e negócios, independente e não partidário. Seu propósito é produzir conteúdos relevantes e se aproximar ao máximo da verdade dos fatos para informar e contribuir com nossos leitores de maneira transparente.