Restaurantes do Sudeste conquistam estrelas do Guia Michelin

O Brasil tem agora 21 casas “estreladas”, sendo 10 estreantes.

18

Restaurantes do sudeste conquistam estrela do Guia MichelinO Brasil tem agora 21 casas “estreladas”, sendo 10 estreantes.

Uma das maiores referências gastronômicas do mundo finalmente voltou seus olhos para o Brasil depois de quase quatro anos de hiato. A noite desta segunda-feira (20) marcou o retorno do Guia Michelin ao país com o anúncio dos novos restaurantes estrelados em São Paulo e no Rio de Janeiro. Sem atualizações desde 2020, a nova edição premiou 21 restaurantes com as cobiçadas estrelas, sendo 10 deles estreantes na lista.

Cozinha aberta do Restaurante Tuju – SP

O país segue sem nenhum nome no patamar máximo de três estrelas, mas acaba de dobrar o número de casas com duas estrelas. Os novos integrantes Tuju (SP), Evvai (SP) e Lasai (RJ) se juntam aos veteranos D.O.M. (SP), Oteque (RJ) e ORO (RJ) na lista do duplo mérito. “Passei muito medo essa semana [de perder estrelas]. Estou feliz de ver que nosso segmento sobreviveu”, comemorou o chef Alex Atala no palco.

A lista dos que conquistaram uma estrela tem sete novos integrantes, entre eles Fame Osteria (SP), Kazuo (SP), Murakami (SP), San Omakase (RJ) e Tangará Jean-Georges (SP). Outras oito casas mantiveram a distinção da edição anterior, como Kinoshita (SP), Maní (SP), Cipriani (RJ) e Picchi (SP), totalizando 15 restaurantes com uma estrela Michelin.

Um dos destaques da noite certamente foi Ivan Ralston, que subiu ao palco três vezes. Além da dupla estrela, o chef do novo Tuju e sua equipe foram premiados com a categoria inédita de “Abertura do Ano” e uma Estrela Verde Michelin (a primeira vez que ela é distribuída no país) por práticas de sustentabilidade, junto com A Casa do Porco (SP) e Corrutela (SP).

Fonte: Forbes

Imagens: Instagram Tuju

Artigo anteriorMotoristas de aplicativo estão trabalhando mais horas e ganhando menos, conclui estudo do Ipea
Próximo artigoEstudo sobre mercado imobiliário aponta otimismo em 2024