Desenrola: negociação de dívidas chega a R$ 50 bi, diz secretário

6

Para cada R$ 1 investido no programa, afirma Fazenda, foram negociados R$ 25

O secretário de Reformas Econômicas do Ministério da Fazenda, Marcos Pinto, afirmou nesta terça-feira que o programa de renegociação de dívidas do governo, Desenrola Brasil, chegou ao patamar de R$ 50 bilhões renegociados por pessoas físicas endividadas.

Ele afirma que o valor “investido” no programa, até agora, chega a R$ 2 bilhões. O governo destinou R$ 8 bilhões para o programa, para garantir eventuais inadimplências nas operações. Esse valor é do Fundo Garantidor de Operações (FGO).

— Renegociamos R$ 50 bilhões em dívidas, beneficiando 15 milhões de pessoas e gastamos menos de R$ 2 bilhões. Para cada 1 real investido no Desenrola, negociamos R$ 25 — disse, em evento da Frente Parlamentar do Empreendedorismo.

No total, 654 empresas com dívidas a receber entram no programa. A média geral de desconto é de 83% sobre o valor dos débitos.

As dívidas estão sendo negociadas com bancos, varejistas, companhias de água e saneamento, além de distribuidoras de energia, por exemplo.

 

Artigo anteriorBoeing enfrenta nova investigação do órgão regulador, agora por causa do Dreamliner
Próximo artigoNota de 10 mil pesos começa a circular hoje na Argentina