Coca-Cola decide vender Verde Campo e deixar o segmento de laticínios no Brasil

8

Holding suíça Emmi Group passará a ter 70% das ações da marca de produtos lácteos

A holding suíça Emmi Group anunciou que a Laticínios Porto Alegre, uma de suas empresas, vai comprar a marca brasileira de laticínios Verde Campo, que pertencia à Coca-Cola desde o final de 2015. A operação representa a saída da Coca do segmento de produtos lácteos no Brasil. A Porto Alegre terá 70% da empresa, enquanto os fundadores da Verde Campo manterão uma participação de 30% e um assento no Conselho de Administração. O valor da negociação não foi divulgado.

Segundo comunicado ao mercado, a Emmi considera que a aquisição da Verde Campo complementa suas operações no Brasil. Atualmente, a atividade brasileira da holding é focada na venda de queijos naturais, mussarela e requeijão, além de leite UHT, creme de leite, manteiga e soro de leite em pó. A Verde Campo adiciona a esse portfólio uma linha de produtos com apelo saudável. Na avaliação do grupo suíço, a marca é forte nos principais centros urbanos, onde os consumidores valorizam seus produtos com maior percentual de proteínas e zero lactose, por exemplo.

De acordo com o Euromonitor International, mais de 20 mil produtos com adição de proteínas e outros suplementos foram lançados globalmente nos três primeiros meses de 2024, contra 35 mil em todo o ano passado. Em 2023, na comparação com o ano anterior, o número de SKUs (código do varejo que significa tipos específicos de mercadorias) desse nicho cresceu 110% no Brasil, levando esse mercado a movimentar R$ 4,3 bilhões no país, um aumento de 26% no período.

 

Artigo anteriorGoverno prevê revisão do seguro-defeso e de benefícios fiscais para fechar contas nos próximos anos
Próximo artigo‘No governo anterior, o dólar bateu R$ 6’, diz Fernando Haddad, em Washington