Boletim econômico ABRAINC analisa as expectativas para a inflação

8

A Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (ABRAINC)  divulgou boletim econômico no qual alerta para a elevação da expectativa para a inflação, alinhado com o Boletim Focus, publicado pelo Banco Central. Segundo o relatório, as expectativas para a inflação neste ano foram elevadas para 3,76%. O estudo havia indicado uma elevação de 3,71% há quatro semanas. Além disso, as projeções também apresentaram elevação para o ano de 2025, chegando a 3,66%. Já em 2026 a expectativa é que a inflação alcance 3,50%.

Apesar das projeções de alta, o IPCA tem mostrado uma trajetória de queda desde o início do ano. Em abril, o principal índice de inflação acumulou 3,69% em 12 meses, comparado a 3,93% em março e 4,51% em janeiro.

Pressão inflacionária no setor da construção

A pressão inflacionária no setor da construção permanece estável. Dados do INCC, apresentados pela FGV, indicam que o acúmulo de 12 meses fechou em 3,48% em abril, enquanto em março foi de 3,29%. O custo dos Materiais, Equipamentos e Serviços aumentou 3,29% em abril, e a Mão de Obra teve uma elevação de 6,81%.

Expectativas para a taxa de juros

As projeções para a taxa Selic em 2024 indicam um aumento de 0,62% em relação ao esperado no mês anterior, alcançando 9,75% ao final de 2024. Este ajuste ocorreu após a última reunião do Copom, onde o ritmo de redução da Selic foi diminuído em 0,25%, após seis quedas consecutivas de 0,5%. O estudo também apontou um aumento de 0,5% para os anos de 2025 e 2026, passando de 8,5% para 9% em ambos os anos.

De acordo com a ata da última reunião do Copom, a maioria dos membros do comitê considerou apropriado reduzir o ritmo de corte na Selic. “Consideraram, para tanto, que o cenário esperado não se confirmou devido à desancoragem adicional das expectativas, à elevação das projeções de inflação, ao cenário internacional mais adverso e à atividade econômica mais dinâmica do que o esperado”, diz o documento. A próxima reunião do Copom está agendada para os dias 18 e 19 de junho.

Informações do jornalista Sinval Autran a partir do boletim da ABRAINC- Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias 

Artigo anterior‘Às vezes não vai ter unanimidade, esse ruído tem de diminuir com o tempo’, diz Campos Neto
Próximo artigoGoverno articula para manter veto a despacho gratuito de bagagens