Acquaí Park: o empreendimento que transformará o cenário turístico da Paraíba

João Pessoa se prepara para receber um dos maiores parques aquáticos do Brasil.

53
3D do Acquaí Park

João Pessoa está prestes a vivenciar uma transformação significativa em seu cenário turístico com a construção do Acquaí Parks & Resorts. Este complexo de lazer, um dos maiores e mais verdes parques aquáticos do Brasil, está sendo desenvolvido pela Airy Hotels & Leisure, uma holding europeia com vasta experiência no setor e presente no país há mais de 17 anos. Com um investimento total de cerca de R$700 milhões, montante destinado ao parque aquático e também à construção do resort que fará parte do empreendimento, o complexo está localizado no Polo Turístico Cabo Branco, a maior área destinada ao turismo planejado do Nordeste e que será uma importante alavanca ao turismo, com reflexos em todo o estado da Paraíba.

Impactos multissetoriais dos parques aquáticos

A instalação de grandes parques aquáticos têm demonstrado impactos multissetoriais significativos nas localidades onde são implantados. Exemplos notáveis incluem o Beach Park em Fortaleza, Ceará, e o Thermas dos Laranjais em Olímpia, no interior de São Paulo, atraindo milhões de turistas do país e do exterior e transformando suas respectivas regiões em polos turísticos de destaque, além de gerar emprego, renda e, consequentemente, forte crescimento econômico.

O Beach Park, localizado em Aquiraz, Região Metropolitana de Fortaleza, é um exemplo claro de como um parque aquático pode, de fato, transformar e impulsionar o turismo local. Segundo dados da Secretaria de Turismo do Ceará, o Beach Park recebe cerca de 1,7 milhão de visitantes por ano, o que representa um aumento significativo no fluxo turístico da região.

Outro exemplo de sucesso é o Thermas dos Laranjais, em Olímpia, no interior de São Paulo. Este parque aquático é um dos mais visitados do Brasil, recebendo aproximadamente 2 milhões de turistas anualmente. A cidade de Olímpia, antes conhecida por sua economia agrícola, passou a ser um dos principais destinos turísticos do estado de São Paulo. O impacto econômico é evidente: a arrecadação de impostos aumentou, novos hotéis e pousadas foram construídos, e o setor de serviços cresceu exponencialmente.

Acquaí Park: potencial transformador para a Paraíba

O Acquaí Park promete seguir a mesma trajetória de sucesso dos exemplos mencionados. Com uma área total de 240 mil metros quadrados, o parque contará com uma variedade de atrações aquáticas modernas e integradas à natureza local. Entre os destaques estão uma piscina de ondas de impressionantes 3.900 m², uma área dedicada a crianças com 6.315 m², e uma praça de aventura com cinco torres de brinquedos radicais.

Além do parque aquático, o complexo incluirá o Acquaí Resort, um hotel de classe mundial com 610 apartamentos para uma experiência completa de hospedagem e lazer e deverá gerar um fluxo de cerca 11.500 visitantes por dia quando completo, ou seja, cerca de um milhão de visitantes por ano, gerando também impactos multissetoriais similares aos registrados em todas localidades que recebem equipamentos de entretenimento e turismo dessa natureza. Pode-se dizer, no entanto, que a expectativa com relação a João Pessoa é ainda maior, uma vez que o Polo Turístico Cabo Branco está em pleno desenvolvimento, com a chegada de vários players da hotelaria de alto padrão.

Segundo o diretor executivo do Acquaí Park, Junio Vasconcelos, “as pessoas ainda não têm a exata noção da transformação que a capital paraibana passará com a chegada deste empreendimento.”

3D da piscina de ondas

Geração de empregos e desenvolvimento econômico

De acordo com o governador da Paraíba, João Azevêdo, por ocasião do lançamento do empreendimento, o Acquaí Park será um marco histórico para o estado, gerando milhares de empregos e fomentando toda sorte de pequenos, médios e grandes negócios. Ele lembrou que a instalação do parque aquático no Polo Turístico Cabo Branco é parte de um planejamento estratégico para tornar João Pessoa um destino turístico de destaque no Brasil e no exterior, com potencial para duplicar e até mesmo triplicar o fluxo de turistas na capital paraibana, atualmente em torno de 1,2 milhão por ano.

Sustentabilidade e integração com a natureza

Um dos principais diferenciais do Acquaí Park é seu compromisso com a sustentabilidade e a integração com a natureza local. O projeto prevê que 40% da área total será preservada, mantendo a vegetação nativa e criando um ambiente integrado à exuberância da Mata Atlântica e, por isso mesmo, harmonioso para os visitantes. 

Segundo os arquitetos responsáveis pelo projeto, Carlos Mauad e Maryana Pinto, a ambiência do espaço foi cuidadosamente planejada para proporcionar uma experiência única e inesquecível para todas as idades com a natureza como parte integrante do projeto. 

Junio Vasconcelos revelou que a conclusão do Rio Lento, sucesso em todos os parques aquáticos do mundo, e que no Acquaí terá 450 metros de extensão, está prevista ainda para este ano, assim como toda área do receptivo, loja, vestiários  e supraestruturas de vestiário e parte hidráulica.

De fato, é enorme a expectativa para a chegada do Acquaí Park em João Pessoa e, certamente, representará uma nova era para o turismo no estado e um catalisador de crescimento econômico. Tanto que milhares de passaportes, o AcquaíPass Fundador, já foram comercializados na cidade. O título dá direito a 10 anos de acesso ao parque aquático para o titular e mais três pessoas, com valores e formas de pagamento bastante atrativos, oferecendo ainda uma promoção exclusiva para os early adopters: Estender a diversão por mais uma década, totalizando 20 anos de acesso ilimitado ao Acquaí Park, com benefícios especiais dentro do complexo.

Além disso, vale ressaltar que o empreendimento já está movimentando o mercado de trabalho na capital paraibana, além da mão de obra na construção do parque. A equipe comercial, hoje com 70 consultores, tem vaga para mais 85 pessoas.

Rodrigo Vollmer, diretor comercial do Acquaí Park, ressalta a importância desta oportunidade: “Estamos criando um espaço para pessoas que desejam transformar suas vidas por meio das vendas. No Acquaí Park, não vendemos um passaporte; estamos oferecendo alegria, diversão e memórias inesquecíveis as pessoas.” Ele enfatiza que não se trata de uma vaga: “Trata-se de uma oportunidade de gestar o próprio sucesso profissional, com possibilidades reais de seguir carreira na empresa”. E deixa um convite: “Venha fazer parte de algo maior do que uma equipe, faça parte de uma experiência que transforma vidas. Sua jornada próspera e abundante começa no Acquaí Park.”

Os interessados em integrar este projeto liderado pelo grupo Airy Hotels & Leisure, podem enviar seu currículo para o email coord.vendas@acquai.com.br.

Parte da equipe de vendas do AcquaíPass Fundador
Artigo anteriorRio de Janeiro será novamente sede de uma Bolsa de Valores
Próximo artigoRoma Antiga pode ser visitada em detalhes por um tour virtual ultrarrealista
Vanessa J Laini
Vanessa Laini é jornalista formada pela Universidade Federal de Minas Gerais. Com vasta experiência em diversas áreas da comunicação, liderou equipes em agências de publicidade e comunicação, demonstrando habilidade no planejamento e execução de estratégias.